Comedouro instalado em Herval d' Oeste sendo utilizado.
2018Setembro – Frei Bruno Despachante – Topo Noticias

É comum ao andar pelas ruas de Joaçaba e Herval d’Oeste e encontrar cães perambulando. Por não terem quem cuide, com fome, eles acabam vasculhando lixo ou então ficando sem comer. Entidades de proteção animal, como a “Bom pra Cachorro”, atuam para retirá-los das ruas, devolver aos donos (quando se perdem) ou ainda, encontrar lares cheios de amor (quando abandonados). Porém, a demanda é grande e nem sempre é possível atender todos. E é por isso que a instalação de comedouros e bebedouros perto de estabelecimentos comerciais está sendo incentivada, com a intenção de minimizar o sofrimento desses bichinhos.

A ideia é simples, prática e barata. Trata-se da utilização de canos de PVC nos quais a ração e a água são colocados. A grande vantagem é que uma boa quantidade de alimento e líquido fica ali armazenada e nada é desperdiçado, já que diferente de potes comuns não correr o risco de virar derrubando o conteúdo. Além disso, facilita a cooperação, uma vez que, instalado do lado de fora do comércio, qualquer pessoa que quer colaborar pode repor a ração e a água.

Depois de pronto e fixado, comedouro fica assim.
.

Em Herval d’ Oeste a loja Andrade Materiais de Construção adotou a medida. A ideia é que a iniciativa ganhe força com outros estabelecimentos comerciais copiando o modelo de comedouro, que depois de pronto é fixado em uma parede.

Que tal seu estabelecimento comercial ter um desses também? O vídeo abaixo mostra o passo a passo de como fazer o comedouro. Em caso de dúvidas entre em contato com o Facebook da Ong Bom pra Cachorro que as voluntárias vão poder auxiliar.

 

Comentários
Compartilhar
Alessandra de Barros
Jornalista, formada pela Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc) e pós-graduada em Marketing Digital e Mídias Sociais. Atua no ramo desde 2011 e possuí experiência também como produtora e repórter de televisão.