O empresário Michel Giusti, proprietário de uma revenda de veículos no município, foi preso na tarde desta quarta-feira, 06, por policiais do Setor de Investigações Criminais (SIC), de Joaçaba.

A prisão, em caráter preventivo, foi solicitada pela Polícia Civil e deferida pelo poder judiciário. Este tipo de medida pode ser usada antes da condenação do réu. A prisão preventiva pode ser decretada como garantia da ordem pública, da ordem econômica, por conveniência da instrução criminal, ou para assegurar a aplicação da lei penal, quando houver prova da existência do crime e indício suficiente de autoria.

.
2018Janeiro – Ultimas Notícias – Hop Valley

O Portal Éder Luiz conversou com a delegada Fernanda Silva, que confirmou a prisão. A delegada disse que também foram apreendidos materiais que servirão ao inquérito policial. Segundo ela, entre os motivos da prisão estaria o crime de estelionato. No final da tarde o investigado estava prestando depoimento na delegacia e por conta disso a delegada não quis fornecer maiores detalhes, o que será feito ao fim dos trabalhos.

Também procuramos os advogados do empresário, Marco Antônio Vasconcelos Alencar Júnior e Bruno Martinazo. Eles informaram que não tiveram acesso ao conteúdo do inquérito, mas tão logo isso aconteça deverão se manifestar. Os advogados anteciparam que seu cliente nega as acusações e teria colocado a disposição das autoridades as senhas de celulares e computadores, se comprometendo a auxiliar nas investigações.

A revenda foi interditada pela polícia.

Atuando há mais de 20 anos na Comunicação, com experiência em emissoras de rádio e televisão, em 2009 o Jornalista Éder Luiz inicia uma nova forma de trabalho na região Meio-oeste Catarinense, o Jornalismo Digital. Hoje o Portal Éder Luiz é referência em informação com credibilidade, recebe mais de 500 mil visitas por mês e são vistas 1 milhão de páginas. Entre em contato pelo (49) 9 8851-5151 e jornalismo@ederluiz.com.vc.

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here