Nesta semana, a notícia do fechamento de escolas de municipais de Joaçaba, em especial a Escola Municipal Anita Lopes Vieira, localizada no Distrito de Santa Helena gerou muita discussão e até revolta por parte dos moradores do local. E foi para esclarecer a situação que a Prefeitura de Joaçaba, através do Prefeito Dioclésio Ragnini e da Secretária de Educação Marilena Detoni realizaram nesta quarta-feira (11), uma coletiva de imprensa.

Primeiramente, o Prefeito Dioclésio explicou que a reformulação da educação de Joaçaba é necessidade antiga e não atendida e foi pensada almejando o futuro. Segundo ele, no colégio Anita Lopes, por exemplo, existem 48 alunos, sendo apenas 21 deles são da comunidade, ou seja, outros 27 se deslocam de bairros de Joaçaba para lá todos os dias. Outra questão ainda, é a existência de salas multisseriadas (alunos de séries diferentes na mesma sala com apenas um professor), o que não seria mais viável para o aprendizado. Com a mudança os alunos passariam a ter ensino de melhor qualidade.

.
Cepac – Últimas Notícias

“É obrigação nossa enquanto gestores fazer com que Joaçaba tenha uma educação melhor e para isso precisamos ter turmas mais homogêneas. Algumas umas salas tem mais alunos e outras menos, e por isso, a adequação é necessária. Temos falta de vagas em creches e com a readequação poderemos criar pelo menos cerca de 90 novas vagas”.

Outras duas escolas que teriam as atividades afetadas seriam Frida Regesburger e algumas turmas do Nossa Senhora de Lourdes.

A prefeitura afirma que 33% dos recursos do município são destinados para a educação. Ao todo são 2962 alunos em toda a educação municipal, incluindo as creches. Em setembro,  o gasto foi de R$ 784,99 reais por aluno. Com a mudança , segundo a prefeitura, o aumento das vagas das creches aumentará e ainda assim o custo por aluno cairá para R$ R$ 680,16 centavos.

Outro benefício com a readequação será a oferta de reforço escolar no contraturno nas disciplinas de português e matemática e ainda atividades culturais e esportivas.

“Com a readequação os professores efetivos serão remanejados para as oficinas e aulas no contraturno, possibilitando aos alunos outros conhecimentos. Já o número de ACTs s que são profissionais temporários será enxugado ficando apenas o número necessário para cobrir a vaga vinculada e eventuais licenças durante o ano” explicou a secretária de educação Marilena Detoni.

Remanejamento

As mudanças estão previstas para acontecer em 2018. De acordo com a prefeitura, os alunos da Escola Anita Lopes serão direcionados para atendimento no NUPERAJO. Já os da Escola Frida Regensburguer iriam para o Colégio Frei Bruno – CEFREI. E as turmas escola Nossa Senhora de Lourdes, do sexto ao nono ano que são as afetadas,  iriam para o NUPERAJO ou os pais poderiam optar por outras como o Rotary ou ainda CERT no centro do município.

A prefeitura afirmou ainda, que garantirá o transporte coletivo que terá as rotas definidas após a realização das matrículas.

“Santa Helena tem 21 alunos da comunidade outros 27 saem dos bairros e vão pra la. Desses 21 muitos não querem se deslocar sete quilômetros para vim no Nuperajo. Mas será que já foi olhada questão desses alunos que saem dos bairros de Joaçaba e vão até Santa Helena? Será que não estão olhando muito só para o seu lado e esquecendo de olhar a coletividade?”, comentou o prefeito sobre a realocação dos alunos.

Prazo para escolas apresentarem projeto

A prefeitura afirma que durante todo o tempo que avalia as mudanças esteve aberta ao diálogo e que deu um prazo para as escolas apresentarem projetos que poderiam reverter a situação. Porém, nada teria sido apresentado. Dessa forma, a administração deve esperar até terça-feira.

“Tem que ser uma proposta viável para que possamos adequar às necessidades. Tenho certeza que muita gente não está gostando da medida que estamos tomando, mas é dinheiro público. Não estamos piorando a educação de Joaçaba como estão falando. Estamos enxugando, mas com isso, oferecendo muito mais benefícios para os estudantes, com as atividades que vão ser proporcionadas” enfatizou o Prefeito Dioclésio Ragnini.

Jornalista, formada pela Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc) e pós-graduada em Marketing Digital e Mídias Sociais. Atua no ramo desde 2011 e possuí experiência também como produtora e repórter de televisão.

26 COMENTÁRIOS

  1. politico sao todos iguais, cortam, cortam em todos setores, mas cortam recursos gastos com pessoal interno, la estao cheios d gente se estrovando. Governador recebe beneficio aposentadoria depois d quatro anos de eleicao, pense 4 anos eleitos resto da vida ganham, ai nao tem despesa. E assim segue prefeituras, estado, gov federal entao nem c fala. O povo dorme, enquanto os pequenos pagam a conta, vamos ver ate quando assumir os militares dai sim vai haver reforma, fazer limpeza na administracao

  2. Sou presidente da APP de uma das maiores escola de Joaçaba, estamos sentindo na pele o quanto é difícil o diálogo com a administração na área da educação. Solicitamos reformas de urgência para a escola, como a do refeitório onde as crianças comem junto com cachorros de rua, e nada de recursos recebemos, liguei para marcar reunião com o prefeito, só tinha vaga para depois de um mês. As escolas estão sucateadas, cobra-se de uma empresa a se instalar no município muitas “coisas”, e aonde fica a responsabilidade em fornecer estas “coisas” quando é de dever. Enquanto isso, vereadores possuem secretárias, será que é necessário para o nosso município estes gastos? Está na hora dos gestores se fazerem presentes nos locais, ninguém os obrigou a serem servidores públicos, mas se quiseram estar nesta condição atendam as pessoas, nem sempre as coisas podem esperar, existe uma legislação educacional, a qual até esta estão mudando, como por exemplo, que o professor de crianças com necessidades especiais seja uma ACT. Nada contra os ACT, mas é inaceitável, pois crianças com necessidades especiais precisam criar vínculos que está ao seu redor(professor) e esta lei foi aprovada por vereadores e prefeito. Cuidem o que aprovam. Se informem sobre o assunto. Será que se os senhores tivessem filhos nestas condições e que dependessem de educação pública gostaria que a professora dele começasse trabalhar com ele sabe lá em que mês e a cada tempo fosse trocada? Nossa APP está fazendo obras que não são nossa responsabilidade, mas sim do poder público, mas estamos lutando para melhorar as condições de crianças, professores e funcionários da nossa escola. Infelizmente certas cabeças pensam que educação é gasto, e não investimento. Nada adianta querer fazer ação social para crianças carentes, quando é tão fácil dar uma educação de qualidade todo dia, onde prepare-se este para a vida toda. Senhores gestores já pensaram em fazer reuniões com as APPs das escolas?

  3. Prefeito com atuação inexpressiva, teve que achar um modo de aparecer. Tão lindo quanto o remendão do asfalto do centro. Isso aí prefeito! Incha mais o colegio CERT. Num Colégio pra no maximo 700 ou 800 alunos, tem mais de 1200. Show de gestão. Amassa os que podem menos e facilita aos que podem mais.
    E não esqueça, que tu fica fechando escola, mas a gestão da Julieta Lentz Puerta deveria ser responsabilidade tua,e não do governo do estado. Modelo de gestão PSBD: fala, mas não faz.

  4. Prefeito muito mal assessorado, não entende nada de educação e acha que seguindo o que é secretaria da educação manda está agindo correto… e de está “gestor” ouvisse as famílias desde a alunos Que na minha opinião não serão apenas afetados e sim prejudicados isso é autoritarismo… foi isso que o então prefeito empresário prometeu em sua campanha? Só tenho uma coisa q dizer… bem feito pra quem votou!!!

  5. Pq nao faz um projeto de cria mais escola e creche igual o marcos tinha por enquanto nao vejo progresso nenhum desse prefeito, empresário é empresário e político é politico ,as vezes ser bom como empresário nao quer dizer que vai ser bom politico, nunca engoli isso,

  6. Gente, escola e hospital não se fecha, se abre, lamentável esta administração, lamentável esta gestora educacional secretária de educação, vergonha gente, vergonha !

  7. Meu Deus quanto Blá..Blá…Blá…e isso vindo de pessoas que se dizem formadas..com graduação…Jesus..me poupe…quanta mágoa ainda existe nestas pessoas por ter perdido as eleições…

  8. ESTE VALOR POR ALUNO…SERA SE FIZER UMA MEDIA FICA MAIS BARATO A PREFEITURA FAZER CONVENIO COM A REDE PRIVADA…..SEM CONTAR QUE IRIA SOBRAR UM MONTE DE CABIDE .KKK

  9. Beno, vc enaltecer esse “gestor” que é nosso prefeito só pode ser brincadeira…se ele gostasse de educação tinha que estudar para não fazer discurso com erro de português…fechar escola é fechar a oportunidade de um futuro melhor para várias crianças…fui professora e entendo que salas lotadas de alunos não resolverão nenhum problema

  10. Muita gente criticando, mas a realidade é que estás escolas estão quase sem alunos, é as outras onde serão remanejados (fora o CERT) estão com uma quantidade de alunos baixa tbm (media de 12 a 20 alunos dependendo da turma), acredito que juntando estas turmas a quantidade de alunos ficará satisfatória e haverá diminuição desses gastos de manutenção e ACTs e aumento em investimentos na educaçao (inclusive creches como citado na matéria). Além disso, convenhamos, vcs concordam com a situação da escola de santa Helena? Lembrando que não tem como separar (legalmente falando) as séries pela quantidade de alunoes ser muito baixa, então tem gente que prefere ficar com salas multiseriadas? Não neh.

  11. Então: as pessoas estão esquecendo que as famílias de hoje não tem mais cinco filhos como no passado, quando as escolas foram construídas e também que as comunidades estão diminuindo. A maioria do pessoal vem morar no centro ou bairros. Esta readequação é um mal necessário. Ninguém vai ficar sem escola. Parabéns ao prefeito e sua equipe. Em dois anos o povo vai entender esta causa. Eu já passei por isso e foi o melhor caminho. Não adianta insistir ou contornar, tem que resolver e aguardar os resultados positivos. Boa Sorte.

  12. O que? Ainda existe isto em pleno Séc XXI de uma professora dar aula para 3 turmas? Jesus! Acordem gente! Pela vez primeira Joaçaba tem um GESTOR e não um politiqueiro como Prefeito! Esses dias mesmo um empresário de Joaçaba fechou uma de suas empresas para investir td na empresa central sendo as melhorias e qualidade visíveis! Lembrando que a Prefeitura tb é uma empresa(inclusive gerida com dinheiro dos impostos) e deve investir na QUALIDADE e logística SIM! (agora 5 alunos tem matemática – meia hora?; agora 6 tem Ciências,vamos ver o tema? opa acabou o tempo, porque agora outra meia duzia vai ter português, abram o livro,opa fechem o livro por que agora é o lanche… aí chegam na faculdade, ou melhor, nem na porta! ….SOCORRRRRRRRRRRRRRRRO! Aí a culpa é do Prefeito!

  13. Nós pais devemos nos unir com as escolas e professores envolvidos nessa questão,como é o caso da escola Frida Regensburguer,para exigir os nossos diretos e dos nossos filhos de continuarem na escola atual.Iram colocar nossos filhos em salas de aula lotadas com uma única professora,aprenderam oque??Algumas crianças tem mais dificuldades outras menas,só sofreram,mais o prefeito não está pensando nisso é claro,pois carnaval,e o salário dele é dos vereadores em primeiro lugar,depois educação,salário dos professores,e sem falar nas ruas nessa cidade que é uma vergonha.

  14. Gente… vamos fazer um pouco de esforço nestas cabecinhas…o que o prefeito está fazendo é tentando deixar em ordem a casa…pois os prefeitos anteriores nem lembravam que existia educação…o povo têm que entender que é para o bem de seus filhos….quem tem vontade de aprender faz kilometros….temos que sair um pouco da comodidade né …..

    • Oposto que seu filho não estuda na rede publica, e se estuda, com 30 alunos em sala de aula ele vai tem a melhor educacão. reflita se isso vai beneficiar os alunos e professores, ou a prefeitura que gasta de mais. joaçaba cada dia pior.

    • Sr(a) “faz kilometros”:
      Tu ja vistes o tipo de transporte oferecido pela empresa de transporte coletivo e pela prefeitura de Joaçaba às criancas da escola de Nova Petrópolis em plena BR 282? Vai lá dar uma olhada. Aliás, sabes o que é ônibus?

  15. Nada contra, mas ao invés de usar 600 mil no carnaval, porque não usam esse montante na educação, sou leiga no assunto mas daria prá fazer muita coisa com esse valor,e agora posso por meu filho estudar no cert,quando eu quiz isso fiz barro na porta do mesmo…………mas não podia porque que tinha escola perto de casa,e agora simplesmente as crianças tem que sair da sua (ZONA)de conforto e ir prá onde eles querem, é o fim dos tempos.Com quantas escolas ainda vão fazer isso?Outro detalhe os pais não tem voz nisso tudo? Quando foi que pediram a opinião de alguém? 1 dia antes de virem a público anunciar a decisão deles.Há esqueci…. Manda quem pode,obedece quem precisa.

    • Existe dinheiro pra tudo. Não confunda as coisas.
      Concordo com o que está sendo feito! Já estava na hora de começar a oferecer algo melhor a essas crianças/jovens.
      povo clama por mudanças, por melhorias… mas ao primeiro sinal delas falam pelos cotovelos sem nenhum conhecimento de causa.
      o desejo de uns não pode se sobressair sobre o desejo de toda coletividade.

  16. Lamentável. Triste. Não sei fiquei sem palavras e decepcionada. Uma semana em que deveria vir notícias de investimento e reconhecimento ao trabalho deste profissional que faz tanto pelo crescimento do cidadão joaçabense, vem esta bomba. Não sou professora, mas abraço com vocês professores esta causa.

  17. Podia ter dito que ia fazer isso na campanha…me lembro bem que o Prefeito dizia que com a arrecadação de Joaçaba um “gestor” conseguiria fazer muitas obras…até agora fecharam o posto de saúde central e a escola, não fizeram NENHUMA obra, diminuíram a limpeza da cidade e quase expulsaram a Havan de Jba…Parabéns “gestor”

  18. Quando que vão reduzir o salario do Prefeito, vice, vereadores e dos cargos comissionados? Ou estes salários não são pagos com Dinheiro publico? … É lamentável.. Vão encher as salas de alunos e os professores que se virem..

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here