Espaço Della Vita

Responsável pela criação de quase 300 startups inovadores, pela geração de mais de 1,2 mil empregos diretos e de 94 patentes desde sua operação piloto em 2008, o programa de incentivo ao empreendedorismo inovador Sinapse da Inovação chega a sua 5ª operação em Santa Catarina. A Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc), promotora do Sinapse, disponibiliza até R$ 60 mil em recursos para cada uma das 100 empresas selecionadas. Sebrae: até R$ 2, 9 milhões em consultoria tecnológica SebraeTec (24 mil horas de consultoria) e treinamento a distância (700 vagas)  e Fapesc: até R$ 6 milhões na forma de subvenção econômica e até R$ 4, 2 milhões em bolsa de apoio ao empreendedor.

Recursos por empresa até R$ 131 mil á serem utilizados da segunde forma: Até R$ 60 mil em subvenção econômica para: desenvolvimento do protótipo de produto/processo, ensaios e testes, certificação, propriedade intelectual e contrapartida de consultoria tecnológica; até R$ 42 mil em bolsa de apoio ao empreendedor; até R$ 24 mil (até 240 horas) em consultoria tecnológica SebraeTec; até R$ 5 mil em treinamentos a distância. O valor representa R$ 10 mil a mais do que o oferecido nas últimas operações, quando cada projeto recebia R$ 50 mil em recursos. Os selecionados ainda recebem apoio dos outros parceiros do programa.

publicidade
Superativo – Últimas Notícias
Espaço Della Vita

Pela primeira vez em sua história, o Sinapse vai oferecer bolsas de auxílio aos empreendedores. Cada projeto poderá recorrer a uma cota de bolsa por 12 meses. Participantes com nível de graduação receberão valor mensal de R$ 2,5 mil, e com mestrado, de R$ 3,5 mil. O bolsista não pode ser o coordenador do projeto, possuir vínculo empregatício ou acumular outras bolsas durante o período. Com as bolsas, o recurso disponibilizado pela Fapesc chega a quase R$ 10 milhões. A execução do Sinapse é conduzida pela Fundação Certi, com a coordenação da Secretária de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDS), em parceria com a Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação (Fapesc), a Federação da Indústria de Santa Catarina (Fiesc) e o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Santa Catarina (Sebrae/SC).

Segundo a coordenadora regional do Sebrae Meio Oeste Sueli Bernardi, a cada ano o número de inscrições vem superando as expectativas e muitas empresas inovadoras  são constituídas, contribuindo sobremaneira para o desenvolvimento econômico de SC.

Texto: Joce Pereira

 

 

Como funciona

 

Na primeira fase os interessados apresentaram suas ideias de negócio e a equipe de trabalho. O objetivo é verificar se a ideia é inovadora, se traz benefícios para a região e se tem potencial de mercado. Passam para a segunda fase até 20% das propostas, e os selecionados devem, então, elaborar um projeto de empreendimento, detalhando o plano de negócio executivo com o objetivo de demonstrar o potencial da ideia para gerar um bom negócio. Ao longo dessa etapa são oferecidas capacitações à distância para auxiliar o empreendedor. A terceira fase, para a qual passam até cerca de 67% das propostas ainda em jogo, consiste no desenvolvimento de um projeto de fomento, com apresentação detalhada do orçamento e do planejamento de execução do projeto. Os finalistas são contemplados com subvenção em dinheiro e capacitação pré-incubação.

 

 

 

Unifique – Últimas Noticias
Atuando há mais de 20 anos na Comunicação, com experiência em emissoras de rádio e televisão, em 2009 o Jornalista Éder Luiz inicia uma nova forma de trabalho na região Meio-oeste Catarinense, o Jornalismo Digital. Hoje o Portal Éder Luiz é referência em informação com credibilidade, recebe mais de 500 mil visitas por mês e são vistas 1 milhão de páginas. Entre em contato pelo (49) 9 8851-5151 e jornalismo@ederluiz.com.vc.

Deixe uma resposta