Cirurgiã Dentista Emilly Schoenberger.
CEPAC – 11 Notícia Superior – 2016-11-01

Logo_Odonto__Vida

O uso da toxina botulínica e preenchedores dermatológicos conseguem propiciar um maior equilíbrio entre os tecidos moles e dentes, melhorar a estética do sorriso e reverter os sinais do envelhecimento.

publicidade
Expotilias – Meio Noticia

A toxina botulínica trata-se de uma proteína purificada que quando injetada nos tecidos musculares diminui a resposta motora sem influenciar a sensitiva. Os tecidos mantêm a sensibilidade normal, mas os movimentos musculares são suavizados diminuindo a percepção de rugas e vincos faciais. Pode ser usado também para diminuir o sorriso gengival, aumentando a tonicidade dos lábios e assim uma porção menor de gengiva é mostrada no momento do sorriso. Nos lábios também é usado para levantar os cantos da boca, eliminando a aparência entristecida. Nos casos de problemas de ATM, bruxismo, apertamento e dor de cabeça tensional a proteína é usada para diminuir a intensidade da atividade muscular e assim minimizar a dor causada por estas patologias.

O preenchimento facial por sua vez, é realizado com o ácido hialurônico, uma substância produzida naturalmente pelo nosso organismo assim como a elastina e o colágeno, e é responsável pelo volume, hidratação e preenchimento dos tecidos. Este é usado para adicionar volume ao sulco naso-labial, comissuras labiais, lábios, minimizar as rugas de expressão como as chamadas “códigos de barras” que se formam ao redor da boca com o passar dos anos e também preenchendo triângulos escuros que se formam entre os dentes por motivos variados.

Com a progressão da idade perdemos colágeno nestas áreas da face e as linhas aparecem e se aprofundam. Os preenchedores restauram o volume e rejuvenescem a face, sendo um complemento importante na Odontologia Estética, não somente para a harmonia do sorriso, mas como também de toda a face.

Atualmente, a toxina botulínica e o preenchimento facial, além de aplicação estética, possuem funções terapêuticas em várias áreas, especialmente na Odontologia, corrigindo problemas que afetam a vida e a autoestima, por meio de procedimentos rápidos, não invasivos e indolores. Lembrando que cada indivíduo possui características específicas e necessidades diferentes, é de fundamental importância individualizar o tratamento e indicação para cada paciente de acordo com a sua necessidade.

Emilly Schoenberger

Cirurgiã Dentista

CRO/SC 15227

CEPAC – 11 Notícia Superior – 2016-11-01
Atuando há mais de 20 anos na Comunicação, com experiência em emissoras de rádio e televisão, em 2009 o Jornalista Éder Luiz inicia uma nova forma de trabalho na região Meio-oeste Catarinense, o Jornalismo Digital.

Deixe uma resposta