"Será apenas um suspiro", diz diretor do HUST sobre ampliação de 5 leitos de UTI covid

Afirmação foi feita aos vereadores do município durante sessão virtual.

, 2.732 visualizações
"Será apenas um suspiro", diz diretor do HUST sobre ampliação de 5 leitos de UTI covid

A diretoria do Hospital Universitário Santa Terezinha de Joaçaba (HUST), esteve reunida nesta terça-feira (02), com várias entidades e com o Ministério Público, buscando apoio para poder ampliar o atendimento em mais 5 leitos de UTI covid. A informação foi anunciada pelos diretores do HUST, Alciomar Marin (diretor geral), Julio Cesar Egger (diretor técnico) e, João Rogério (coordenador das UTIs Covid e geral), durante a participação na sessão da Câmara de Vereadores de Joaçaba na noite de terça-feira (02).

Segundo Marin, a necessidade é urgente, mas depende da cedência de profissionais de enfermagem pelos municípios e da chegada de novos equipamentos por parte do governo do Estado. “Será apenas um suspiro para amenizar esta situação, que é crítica”, disse Marin que ressaltou que apenas respiradores não resolvem o problema e que é preciso também profissionais e medicamentos. Marin informou que o HUST tem 550 funcionários. Destes, cerca de 110 estão atuando exclusivamente na ala covid.  

Lotação máxima: nesta terça-feira (02), a UTI covid apresenta 100% de ocupação e a enfermaria 113%, com pacientes a espera de leitos. Segundo os diretores, no momento, existem na enfermaria 17 internados, sendo 8 (oito) deles aguardando vagas de UTI.

Uso de outros hospitais: os diretores informaram que utilizam hospitais próximos como das cidades de Capinzal e Campos Novos para internamento de pacientes em situações menos graves. Os vereadores questionaram a possibilidade de uso do Hospital São Miguel. Marin informou que a possibilidade já foi cogitada mas que, a visita de uma comissão técnica na unidade revelou que não existe capacidade estrutural para ampliação imediata do número de leitos naquela unidade e que, o tempo que levariam as adequações não seria viável, considerando a necessidade urgente.

Sobre os demais hospitais, como de Luzerna e Catanduvas por exemplo, o diretor foi questionado pelo presidente Diego se as unidades poderiam abrigar leitos de enfermaria para covid. Marin informou que algumas unidades estão sendo estruturadas para isso pelo governo do Estado. “É o Estado quem regula o que estes hospitais podem oferecer”, informou ele.  

Fonte:

Com informações da Assessoria de Comunicação da Câmara de Vereadores de Joaçaba

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas