Abril Marrom: Prevenção e diagnóstico precoce podem evitar 80% dos casos de cegueira

No mês dedicado aos cuidados da saúde dos olhos, médicos oftalmologistas alertam para as principais doenças que levam à perda de visão.

, 232 visualizações
Foto: Divulgação/Internet
Foto: Divulgação/Internet

No Brasil, há cerca de 1,2 milhão de pessoas cegas - um número que poderia ser muito menor se houvesse um diagnóstico e tratamento precoce da doença. Segundo a Organização Mundial de Saúde, a cegueira pode ser revertida em até 80% dos casos que têm acompanhamento médico desde os primeiros sintomas. 

Para conscientizar a população sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce de doenças da visão, a campanha Abril Marrom alerta sobre os principais males que podem levar à cegueira. "Os olhos podem ser afetados por mais de três mil doenças. Destas, quatro são as principais causas da perda de visão: a catarata, a degeneração macular da idade, glaucoma e problemas derivados da diabetes (retinopatia e edema macular diabético)", esclarece o Dr. Ayrton Ramos, presidente da Associação Catarinense de Oftalmologia, entidade que apoia as ações de conscientização do Abril Marrom em Santa Catarina.

A catarata, que causa embaçamento e diminuição da visão, é uma das doenças que mais levam à cegueira, mas o problema é reversível com a cirurgia de implante de uma lente dentro do olho. Em casos mais avançados, porém, a perda da visão pode ser irreversível, alerta o Dr. Ayrton. Para os idosos, outro fator de risco é a degeneração macular da idade, que afeta a retina central e pode também não ter cura se não for tratada a tempo. O mesmo ocorre com as doenças da visão decorrentes da diabetes.

Para o presidente da Associação, uma das enfermidades que demandam mais cuidados é o glaucoma. "Trata-se de uma enfermidade traiçoeira, que não apresenta sintomas no começo e quando o paciente percebe que há um problema, acaba sendo muito tarde para que os tratamentos tenham o efeito necessário para reverter a perda de visão", comenta. 

A melhor forma de prevenir a cegueira é a realização de consultas com médicos oftalmologistas, especialmente para quem tem mais de 40 anos. A partir desta idade, o mais indicado é a realização de consultas anuais. "Mas a prevenção não tem idade, seja para crianças, jovens, adultos e idosos. Por meio de exames oftalmológicos é possível descobrir uma série de outros problemas de saúde que vão além da visão", diz o Dr. Ayrton Ramos.

Para quem quer saber mais sobre as doenças oculares, formas de prevenção e tratamentos necessários, a Associação Catarinense de Oftalmologia disponibiliza em seu site (www.sociedadesco.org.br) a cartilha online "Saúde dos Olhos", que faz parte de uma campanha de conscientização inédita no país e que já distribuiu mais de 5 mil exemplares para a população, órgão de saúde e setores do poder público.  


Fonte:

Casa de La Gracia Comunica

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas

Cavalo cai de telhado e vai parar em cozinha de residência em SP

Cavalo cai de telhado e vai parar em cozinha de residência em SP

Animal pastava em um terreno, que fica na mesma altura do teto, e parou em cima da casa. A estrutura não suportou o peso do equino e cedeu.

Paulo Gustavo morre de Covid no Rio, aos 42 anos

Paulo Gustavo morre de Covid no Rio, aos 42 anos

Criador da personagem Dona Hermínia e um dos humoristas mais populares e admirados do Brasil, ele estava internado desde 13 de março.

Motorista alcoolizado terá que ressarcir o SUS as despesas hospitalares de vítima

Motorista alcoolizado terá que ressarcir o SUS as despesas hospitalares de vítima

Punição se enquadra nos acidentes em que se comprovar a embriaguez ou consumo de outras drogas por parte do autor.

Região Meio-Oeste segue em situação gravíssima para a Covid-19

Região Meio-Oeste segue em situação gravíssima para a Covid-19

Novo mapa divulgado pelo governo aponta 15 das 16 regiões de Saúde em risco gravíssimo.

Contran prorroga prazo para motoristas realizarem exame toxicológico

Contran prorroga prazo para motoristas realizarem exame toxicológico

Medida vale para condutores habilitados nas categorias C, D e E; Veja tabela com novas datas.