Campos Novos lidera lista e se torna coração do agronegócio de SC

Setor catarinense faturou R$ 20,1 bilhões no ano passado, segundo dados do IBGE.

, 1.797 visualizações
Foto: Unsplash, Divulgação
Foto: Unsplash, Divulgação

Apesar de serem pouco conhecidas fora do Estado, três cidades dominam a produção agropecuária em Santa Catarina há anos: Campos Novos, Abelardo Luz e São Joaquim. Juntas foram responsáveis por 12% do faturamento total do setor catarinense em 2022, que somou R$ 20,1 bilhões, segundo a pesquisa Produção Agrícola Municipal (PAM) divulgada pelo IBGE.

1º: Campos Novos

A líder da lista nos últimos dois anos, Campos Novos, não tem nada de “pequena”, já que está entre as maiores cidades do Estado em extensão territorial. O município do Oeste catarinense fechou 2022 com faturamento de R$ 992,7 milhões no agronegócio e crescimento de 43,9% frente a 2021.

Atualmente, a cidade conta com 2,4 mil produtores rurais. O grande destaque é a unidade da BRF, uma das maiores companhias de alimentos do mundo, dona das marcas icônicas Sadia e Perdigão. A empresa produz cerca de 6,4 mil suínos por dia no município do Oeste catarinense.

Entre os fatores que contribuem para a cidade se manter em destaque e continuar aumentando a produção a cada ano, é o investimento em tecnologia, ressalta o prefeito de Campos Novos, Gilmar Marco Pereira.

"Era comum em Campos Novos ter as máquinas agrícolas, principalmente os tratores, para passar algum insumo na produção, e hoje é feito com drone. Então olha só, o avanço tecnológico. Hoje é difícil o lavoureiro de médio e grande porte que não usa drone na sua propriedade", destaca.

Conforme o prefeito, em relação a produção do ano passado, “a soja foi a recordista”. Enquanto em 2012 o município tinha 44 mil hectares de área produzida do grão, em 2022, passou para 62 mil hectares.

Outro destaque de Campos Novos é a produção de sementes. Do total de sementes plantadas em Santa Catarina, 56% é produzido no município do Oeste.

2º: Abelardo Luz

Também localizado no Oeste catarinense, Abelardo Luz ocupou o segundo lugar na produção agrícola de Santa Catarina, com R$ 791,7 milhões e alta de 79,4%, frente a 2021. Grande produtor de sementes, a cidade foi responsável pelo maior faturamento do Estado no cultivo de feijão, e figura todos os anos entre os líderes na produção de milho e soja.

3º: São Joaquim

São Joaquim ocupou a terceira posição no ranking é o maior produtor de maçã do Brasil, título que fez a cidade da Serra Catarinense aparecer em terceiro lugar no ranking da produção agrícola em Santa Catarina. Em 2022, dos R$ 679,1 milhões de faturamento do setor, R$ 646,8 milhões vieram da produção de maçã.

Cidades de SC líderes do agronegócio

2022: Campos Novos

2021: Campos Novos

2020: Abelardo Luz

2019: São Joaquim

2018: Abelardo Luz

2017: São Joaquim

2016: São Joaquim

2015: Campos Novos

Fonte:

NSC Total

Notícias relacionadas