Casal de Joaçaba conta como foi a viagem missionária ao sertão do Piauí

370 voluntários de todo o Brasil estiveram participando do projeto.

, 2.367 visualizações
Angelo e Eliete Bechi
Angelo e Eliete Bechi

O casal de Joaçaba, Eliete e Angelo Bechi, estiveram participando da 15ª edição do Impacto Sertão Livre, na cidade de Paulistana, no sertão do Piauí. O impacto aconteceu de 16 a 26 de janeiro.

“Estamos imensamente felizes por mais essa experiência que pudemos vivenciar no sertão. A realidade que encontramos lá, é muito diferente de tudo que vivemos em nossa região, principalmente pela falta de água que é algo que acomete quase todo o sertão nordestino, e isso nos impacta de uma forma profunda e nos ensina a valorizar coisas tão simples que temos em nosso dia a dia, mas que nem nos damos conta”, afirma o casal.

370 voluntários de todo o Brasil participaram do evento e em diferentes áreas atenderam quase 80% da população, tanto na cidade como no interior.

Voluntários da equipe das crianças
Voluntários da equipe das crianças

“Nós trabalhamos com as crianças, onde estivemos coordenando 70 voluntários. Nosso dia era de muito trabalho, pois em Paulistana atendíamos em torno de 350 crianças que participavam diariamente das atividades propostas. Acordávamos às 06h, e só parávamos por volta da meia noite. Nosso dia se dividia nos três períodos e em todos eles tínhamos atividades recreativas, como dança, música, teatro, contação de histórias. Além disso, nos propomos a levar muito amor e esperança a cada criança que estava conosco, assim, criamos vínculos preciosos e pudemos conhecer mais de perto a realidade de suas famílias. E em alguns casos, encontramos situações de abuso, miséria e abandono”, conta Eliete emocionada.

Ao total foram quase 3000 crianças atendidas pelo projeto. Além das atividades recreativas, foram ministradas sobre valores, educação e higiene bucal, onde receberam kits de escovação, material escolar, brinquedos, entre outras coisas.

“Fomos marcados pelo amor de cada criança que chegou até nós. É incrível o quanto elas demonstram amor de uma forma tão linda e pura. O último dia, foi muito difícil ter que dar adeus aos pequenos, mas sabemos que semeamos a semente em seus corações e que elas assim como nós foram marcadas por cada “tio” que esteve lá. Nossa esperança é em breve poder retornar e poder vê-las muito melhor e trilhando caminhos do bem".

Além do trabalho realizado com as crianças o projeto realizou atendimentos em diversas áreas da saúde, visitou as casas, ministrou cursos e oficinas gratuitamente. Para dar continuidade ao trabalho, uma base do Instituto Livres foi implantada na cidade, e dois casais de missionários se mudaram para a cidade de Paulistana, para assistir de perto a comunidade local e continuar auxiliando os moradores.

460 crianças presentes na festa de encerramento no último dia.
460 crianças presentes na festa de encerramento no último dia.

“Voltamos para casa com sentimento de dever cumprido, pois sabemos que fizemos nossa parte e com certeza voltamos transformados por dentro e por fora. Aprendemos a tomar banho de balde, a enfrentar o calor escaldante, conhecemos a cultura local, as comidas típicas, mas o principal fomos constrangidos pelo amor do povo sertanejo. É um povo sofrido mas que carrega consigo um amor simples e puro, eles nos amaram e nos marcaram com esse amor”, finaliza o casal.

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas