Começam as atividades do Abril Verde em Joaçaba, Herval d' Oeste e Luzerna

Mês é dedicado à conscientização sobre a Saúde e Segurança no trabalho.

, 324 visualizações
Lançamento da campanha ocorreu na Câmara de Vereadores de Herval d’ Oeste, nesta segunda-feira (1º).
Lançamento da campanha ocorreu na Câmara de Vereadores de Herval d’ Oeste, nesta segunda-feira (1º).

Um mês todo para chamar a atenção quanto à necessidade da prevenção de doenças, acidentes e mortes no ambiente de trabalho. Esse é o propósito do Abril Verde, iniciativa da Comissão Intersetorial em Saúde do Trabalhador e da Trabalhadora de Joaçaba (CISTT), que contará com mais de 40 atividades de conscientização, distribuídas nas cidades de Joaçaba, Herval d’ Oeste e Luzerna sobre o tema.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Dando início aos trabalhos, nesta segunda-feira (1º), foi feito o lançamento da campanha na Câmara de Vereadores de Herval d’ Oeste, tendo o Procurador do Ministério Público do Trabalho (MPT) Anderson Luiz Corrêa da Silva descantado a importância das ações do Abril Verde e as principais atividades que serão realizadas. No local foi distribuído o calendário com a programação completa e outros materiais alusivos à campanha. A mesma apresentação também acontecerá nas Câmaras Municipais de Joaçaba e Luzerna.

“O trabalho não foi feito para que as pessoas morram ao exercê-lo. Não podemos aceitar que trabalhadores continuem se ferindo e perdendo sua vida enquanto trabalham. Temos que promover a conscientização da sociedade, dos trabalhadores, das empresas, dos sindicatos e dos órgãos públicos de que todos são responsáveis pelo trabalho seguro” destacou o procurador Anderson. 

De acordo com os dados mais recentes compilados pelo Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho, site mantido pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), em Santa Catarina foram registrados, entre 2012 e 2017, 178,4 mil acidentes e doenças do trabalho, o que representa, em média, um a cada 20 minutos. No mesmo período, foram concedidos, por igual motivo, 132,7 mil auxílios-doença. O impacto previdenciário dos afastamentos foi de R$ 1,3 bilhão, com a perda de 30,6 milhões de dias de trabalho.

“O Poder Público de Herval d’ Oeste apoia essa iniciativa. Precisamos disseminar na nossa comunidade essas importantes ações voltadas para a saúde e segurança do trabalhador”, comentou o vice-prefeito de Herval d’Oeste, Mauro Martini.

Programação:

Das 41 atividades, estão previstas palestras, oficinas com trabalhadores, atividades de conscientização com a comunidade em geral, simulações de acidentes, ações de prevenção de doenças, paredão de escalada com 10 metros de atura no qual a população poderá escalar e ter a noção de como é o trabalho em altura, bem como, quais tipos de equipamentos de segurança serão utilizados, concurso fotográfico retratando flagrantes de trabalho não seguro e que distribuirá R$ 2500 em prêmios para as cinco melhores fotografias, caminhada alusiva aos acidentes e mortes, exposição de fotos e, ainda, o seminário de Saúde e Segurança do Trabalhador. A programação pode ser conferida no site www.cmsjoaçaba.com.br.

“O Abril Verde foi pensado para todos os públicos. É fundamental que a população de Joaçaba Herval d’Oeste e Luzerna participe para que possamos, no ano que vem, olhar para o cenário preocupante que temos em nossa região e termos zero de acidentes e mortes no trabalho” afirmou o coordenador das atividades do Abril Verde, Pedro Nogueira.

Fonte:

Da Assessoria de Comunicação

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas