Criminosos que assaltaram residência em Capinzal ameaçaram casal dizendo que estariam com filho em Joinville

A Polícia Civil está investigando o caso.

, 1.941 visualizações
Criminosos que assaltaram residência em Capinzal ameaçaram casal dizendo que estariam com filho em Joinville

Um casal foi rendido e amarrado durante assalto em sua residência na noite desta quinta-feira (07) no centro de Capinzal. A ocorrência foi registrada pela Polícia Militar na Rua Professora Maria Wanda Meyer.

Conforme relatos, três homens armados e mascarados entraram na residência, por volta das 20h, amarraram o casal com fitas e os ameaçaram, mas não chegaram a agredir. Os indivíduos levaram uma quantia de dinheiro, joias, documentos, cheques e as chaves dos dois veículos da família.

A guarnição realizou o levantamento fotográfico, apreendeu um pé de cabra utilizado no delito e diligenciou no intuito de encontrar os possíveis autores, porém, não logrando êxito na localização.

O proprietário da residência, Aldo Pizzamiglio, preferiu não gravar entrevista, mas contou à reportagem da Rádio Capinzal que estava com a esposa assistindo TV quando um homem armado entrou na sala. Ele afirma que no primeiro momento imaginou que fosse uma brincadeira, mas depois entraram outros dois elementos que anunciaram o assalto.

De imediato os elementos pediram onde estavam as joias e o dinheiro e afirmaram que o filho, que reside em Joinville, estaria supostamente na mira de comparsas e só seria solto depois que entregassem o que eles queriam. O casal foi levado ao quarto onde foram amarrados por fitas adesivas. Após revirarem o cômodo os assaltantes deixaram a casal. Aldo conseguiu se livrar das amarras e acionou a polícia. O casal está bem, mas ainda chocado com o ocorrido.

Nossa reportagem também conversou com o filho do casal o qual lamentou o ocorrido e afirmou que está bem, de modo que os assaltantes apenas quiseram intimidar os pais durante a ação criminosa.

O caso será investigado pela Polícia Civil, sendo que durante a madrugada a equipe do Instituto Geral de Perícias (IGP) esteve na residência onde realizou os levantamentos necessários. Imagens de câmeras de segurança de residências vizinhas deverão auxiliar nas investigações.


Fonte:

Rádio Capinzal

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas