Educação inclusiva e autismo são temas de formação continuada da Unoesc em parceria com a Gered

Outro encontro de formação continuada será realizado em agosto.

, 251 visualizações
 O encontro fortalece a ampliação do conhecimento acerca das lacunas relacionadas ao autismo e a deficiência intelectual
O encontro fortalece a ampliação do conhecimento acerca das lacunas relacionadas ao autismo e a deficiência intelectual

A Unoesc Joaçaba, em parceria com a Gerência Regional de Educação (Gered), realizou no dia 5 de junho, a terceira etapa da formação continuada “Educação Inclusiva: o Autismo e a Deficiência Intelectual”.

De acordo com coordenadora do Núcleo de Acessibilidade e Inclusão da Unoesc (NAI), professora Ana Patricia Parizotto, esse encontro reforça os temas já trabalhados nos encontros anteriores, aprofundando o conhecimento, e estreitando os laços com a Gered. Também participaram, os professores do NAI e dos Núcleos de Apoio Pedagógico (NAPs) da Unoesc Videira, Chapecó, São Miguel do Oeste e Joaçaba.

— Nessa perspectiva objetivamos capacitar os nossos professores, para que possamos receber alunos com essas demandas, tendo recursos pedagógicos e didáticos para desenvolver os nossos trabalhos em sala de aula — destaca a coordenadora.

Para a Consultora Educacional da Gered, Alessandra Nichele Magro, o encontro fortalece o que vem sendo discutido constantemente, que é a ampliação do conhecimento acerca das lacunas relacionadas ao autismo e a deficiência intelectual, como preparação para o último encontro em que os professores terão que apresentar uma atividade prática relacionada aos estudos realizados na capacitação.

— A intenção é tornar os estudos teóricos na transformação da prática educativa, e com isso estabelecer um diálogo do que temos em teorias com aquilo que realizamos no cotidiano com esses alunos, que são desafios permanentes — explica Alessandra.

Já a professora da Escola de Educação Básica Ruth Lebarbechon, da cidade de Água Doce, Thais Liana Belló Colusso, considera:

— O evento é de grande importância, pois possibilita a capacitação para atuar na prática com estudantes que apresentam deficiência mental e dificuldades de Aprendizagem — falou.

O último encontro está previsto para dia 14 de agosto.

Fonte:

Adriano França/Ascom Unoesc

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas