Empresário comenta sobre a liberação das vacinas contra a Covid-19 nos laboratórios da região

Mas atenção: ainda é necessário liberação da ANVISA e não é permitido fazer lista de espera.

, 4.486 visualizações
Empresário comenta sobre a liberação das vacinas contra a Covid-19 nos laboratórios da região

Após o início da vacinação contra a Covid-19 por conta do Sistema Único de Saúde (SUS) surgiram questionamentos sobre os laboratórios particulares ofereceram ou não a vacina. O empresário do Laboratório Dala Rosa de Catanduvas, Otávio Dala Rosa, comentou sobre o assunto.

Ele informou que a Associação Brasileira das Clínicas de Vacina (ABCVAC), juntamente com um grupo de empresários do Brasil, está em conversação com o laboratório Indiano Biotech, visando a compra de um lote de vacinas para ser oferecida nos laboratórios privados. O que ocorre é que é necessária ainda, a aprovação da Anvisa dessa vacina.

"Estamos no aguardo da aprovação da Anvisa e da posterior compra desse lote , que será distribuído pela ABCVAC, para as clínicas. A previsão é para o mês de abril" afirmou.

Em paralelo, o empresário comentou que diante dessa possibilidade de haver vacinas em abril, o Procon já recebeu denúncias e está atuando na fiscalização para coibir a prática da "lista de espera", que não deve ser praticada no momento, pois ainda não há um lote de vacinas.

Diante disso, a população precisa ficar atenta e diante da oferta do pagamento de valores para ficar em uma lista de espera, deve denunciar ao Procon.

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas

Farmácia Santa Tereza inaugura em Joaçaba

Farmácia Santa Tereza inaugura em Joaçaba

A unidade faz parte da Rede Farmácias Associadas e está localizada na entrada do maior bairro de Joaçaba.

"Chegamos ao colapso", afirma Hospital Regional São Paulo de Xanxerê

"Chegamos ao colapso", afirma Hospital Regional São Paulo de Xanxerê

Segundo nota enviada à imprensa, não há mais espaço físico, estrutura e pessoal para atendimento.