Fertilidade: O tempo não para!

O mês de junho serve de alerta para que os casais se preocupem com a questão.

, 1.975 visualizações
Fertilidade: O tempo não para!

Por Dra. Carla Geni Staats

Estamos encerrando o mês de junho e não podíamos deixar de lembrar que ele foi o mês da CONSCIENTIZAÇÃO MUNDIAL DA INFERTILIDADE, este mês serve de alerta para que não os casais se preocupem com a questão.

Adiamos sempre para mais tarde os planos de ter filhos, antes vem a careira, a estabilidade econômica, a casa e os bens, porem a fertilidade principalmente a feminina tem um decréscimo importante com a idade.

A infertilidade é um problema sério e atinge em torno de 15% dos casais mundialmente, segundo a OMS ( organização mundial da saúde) podemos distribuir as causas de infertilidade da seguinte maneira: 30% causas femininas, 30% causas masculinas, 30% de ambos ( o casal) e 10% a ISCA ( infertilidade sem causa aparente).

A dificuldade em engravidar é considerada, hoje, um problema de saúde pública e tempo de espera é considerado vilão para o processo de êxito em se conseguir um desfecho positivo no sucesso de ter um bebê em casa. As maiores chances de engravidar sempre são no primeiro ano de tentativa, a partir de então quanto mais se espera mais diminuem as chances dos casais.

O diagnóstico de infertilidade é feito através de exames  e análises clínicas que envolvem o casal, assim se pode identificar o que está impedindo ou dificultando a gravidez.

Mas a pergunta é: Quando que eu devo me preocupar e procurar um especialista em reprodução humana?

Bem o que determina isso sempre é a idade feminina, se vocês são casal saudável, com ciclos menstruais regulares, com intercurso sexual adequado podemos definir da seguinte maneira:

-Em mulheres com até 35 anos se a gravidez não ocorreu até 1 ano de tentativa.

-Em mulheres de 36 a 40 anos  se a gravidez não ocorreu em 6 meses.

-Acima dos 40 anos a procura deve ser imediata.

E se acaso já tenha sido identificado tanto na mulher quanto no homem alguma causa que dificulte a gravidez a procura deve ser também imediata.

É importe preservar a fertilidade se o objetivo é postergar o sonho da maternidade.

FERTILIDADE: O tempo não para.

Dra. Carla Geni Staats

Ginecologista/Obstetra

Pós Graduada em Reprodução Humana

Membro da Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida ( SBRA)

CRM/SC 9287     TEGO: 00109/2000

CLINICAS INTEGRADAS: Av Santa Terezinha 243, sala 305-Joaçaba/SC

Fones: (49) 35210791   Whatsapp: (49) 99955-9500

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas