Foragido da justiça é preso furtando pneus de carros em Luzerna

Fato ocorreu na madrugada do último sábado (16).

, 2.043 visualizações
Fotos: Divulgação
Fotos: Divulgação

Um foragido da Justiça do Paraná acabou preso na madrugada deste sábado (16). Segundo as informações, o indivíduo foi flagrado pelos policiais, por volta das 4h, furtando pneus de carros estacionados em um terreno ao lado de uma oficina mecânica, no centro da cidade.

Abordado, o suspeito mentiu o nome. Depois, os policiais descobriram a verdadeira identidade e constataram que era natural de Nova Prata do Iguaçu/PR, e que possuía mandado em aberto expedido pela comarca de Salto do Lontra/PR, por condenação a 12 anos de prisão, em regime inicial fechado, por homicídio qualificado.

Ele foi levado à Delegacia de Polícia de Joaçaba e, posteriormente, entregue ao presídio regional. Recentemente uma mulher também foi presa no centro pela PM por ter mandado em aberto por tráfico de drogas. Nenhum dos dois morava na cidade.

A administração de Luzerna destaca as ações preventivas intensificadas nos últimos meses pela Polícia Militar, principalmente após a renovação, no segundo semestre do ano passado, do convênio de radiopatrulha entre município e PMSC.

Luzerna deu sua contribuição para a segurança pública com um expressivo acréscimo de 625% no investimento, passando de R$ 1,6 mil para R$ 10 mil mensais. O novo convênio proporciona melhorias com equipamentos, capacidade de instrução, logística de aquartelamento e principalmente aquisição de novas viaturas. Há pouco tempo foi efetuada a compra de um veículo SUV para atuação da PM, melhorando as condições de atendimento e proporcionando mais segurança à população, reconhecida como ordeira, hospitaleira e trabalhadora. A administração municipal entende que, com a união de esforços das esferas governamentais, a comunidade só tem a ganhar.

Fonte:

Com informações de ASCOM/Prefeitura de Luzerna

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas