Governo do Estado deixa Joaçaba e região de fora da lista de ampliações em leitos de UTI e enfermarias Covid-19

Serão liberados 110 novos leitos de UTI em Santa Catarina, nenhum para Joaçaba.

, 4.571 visualizações
Governo do Estado deixa Joaçaba e região de fora da lista de ampliações em leitos de UTI e enfermarias Covid-19

Mesmo tendo um hospital de referência para casos de Covid-19, Joaçaba ficou de fora de uma lista de casas de saúde que receberão novos leitos de UTI e para alas Covid em Santa Catarina. A lista foi divulgada nesta Terça-feira, 23.

A preocupação é grande na região, já que os casos vem aumentando nos últimos dias e o Hospital Universitário Santa Terezinha (Hust) trabalha com 100% de ocupação na UTI e chegou a 80% na enfermaria, ambas destinadas aos casos de Covid.

É necessário reconhecer que o Oeste, região de Chapecó, vive uma situação gravíssima, mas era de se esperar que o Governo do Estado se planejasse para evitar o mesmo em regiões que abrigam hospitais referência, como o de Joaçaba.

Por hora, já que o estado não disponibilizou os leitos, é mais do que necessário que a população tenha consciência do momento grave e siga as recomendações, acima de tudo evitar as aglomerações. Se não bastasse o limite estar chegando para os leitos, os profissionais de saúde que atuam no setor a quase um ano também estão no limite de suas capacidades físicas e mentais. Uma realidade que quem desrespeita as regras deve ao menos respeitar, para não ser o próximo a precisar de atendimento e correr o risco de não encontrar aqui.

Novos leitos anunciados

Por meio de sua assessoria o Governo do estado divulgou que nos últimos dias, o Executivo estadual pactuou a ampliação de 110 novos leitos de terapia intensiva em diversas regiões catarinenses e abriu 165 novos leitos clínicos de retaguarda Covid-19 no Oeste.

A pactuação dos 110 novos leitos de terapia intensiva no estado ocorreu em:

-Chapecó, com 29 leitos de UTI ampliados no Hospital Regional do Oeste

-Concórdia, com quatro leitos de UTI ampliados no Hospital São Francisco

-Florianópolis, com 10 leitos no Hospital Florianópolis, 12 leitos no Hospital Governador Celso Ramos e seis leitos de UTI no Hospital Nereu Ramos

-Jaraguá do Sul, com cinco leitos de UTI ampliados no Hospital São José

-Joinville, com 10 leitos no Hospital Municipal São José e oito leitos de UTI no Hospital Bethesda

-São José, com 12 leitos de UTI ampliados no Hospital Regional Homero de Miranda Gomes

-São Miguel do Oeste, com 10 leitos de UTI ampliados no Hospital Regional Terezinha Gaio Basso

-Xanxerê, com quatro leitos de UTI ampliados no Hospital Regional São Paulo.

Já as ampliações dos leitos de retaguarda Covid-19 ocorreram nas seguintes unidades:

-Hospital Municipal de Dionísio Cerqueira (10 leitos)

-Associação Beneficente Hospital São Lucas, em Guaraciaba (10)

-Hospital de Iporã do Oeste (10)

-Hospital de Modelo (10)

-Hospital de Mondaí (20)

-Hospital Regional do Oeste, em Chapecó (50)

-Hospital de Cunha Porã (20)

-Associação Hospitalar Padre João Berthier, em São Carlos (10)

-Hospital São Cristóvão, em Faxinal dos Guedes (15)

-Hospital Frei Bruno, em Xaxim (10).

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas

"Chegamos ao colapso", afirma Hospital Regional São Paulo de Xanxerê

"Chegamos ao colapso", afirma Hospital Regional São Paulo de Xanxerê

Segundo nota enviada à imprensa, não há mais espaço físico, estrutura e pessoal para atendimento.

Diretoria da ACIOC acompanha situação da COVID-19 na região

Diretoria da ACIOC acompanha situação da COVID-19 na região

Associação se colocou à disposição para ações que possam de alguma forma auxiliar o hospital.