Justiça mantém prisão de jovem de 19 anos acusado de agredir mãe e irmão de nove meses no Oeste

Conforme a Polícia Civil de Santa Catarina, o jovem confessou os crimes contra a família.

, 862 visualizações
Justiça mantém prisão de jovem de 19 anos acusado de agredir mãe e irmão de nove meses no Oeste

Após descumprir medidas protetivas de urgência, um jovem de 19 anos segue em prisão preventiva na comarca de Pinhalzinho, Oo oeste de Santa Catarina. Ele foi acusado de agredir o irmão de nove meses e a própria mãe de 37 anos.

A primeira prisão em flagrante ocorreu na última terça-feira (16), quando a Justiça também determinou medidas protetivas de urgência para que o acusado fosse impedido de manter contato com as vítimas. No entanto, ainda na terça-feira o suspeito, que havia sido liberado pelo juiz de plantão, voltou a procurar a família e descumpriu as medidas impostas.

Na oportunidade, o Ministério Público requereu a conversão da prisão em flagrante em preventiva diante do descumprimento da medida protetiva, que foi homologada pelo juiz da comarca Caio Lemgruber Taborda na quarta-feira (17).

Conforme a Polícia Civil de Santa Catarina, o jovem confessou os crimes contra a família e segue na Unidade Prisional Avançada de Maravilha enquanto aguarda julgamento. Ele também vai responder por descumprimento de medidas protetivas.


Fonte:

TJSC

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas