Liesjho propõe inovações e desfile competitivo volta acontecer em uma noite em 2019

Carnaval 2019 acontece de 1º a 05 de março. Liga teve projeto aprovado para captação de recursos pela Lei Rouanet no valor de R$ 2 milhões.

, 2.864 visualizações
Liesjho propõe inovações e desfile competitivo volta acontecer em uma noite em 2019

Já envolvida em polêmicas, assunto presente em rodas de conversas e também sempre motivo de curiosidade, a Liga Independente das Escolas de Samba de Joaçaba e Herval d’ Oeste (Liesjho) tem desde o mês de maio deste ano um novo presidente, que promete esquecer tudo isso e trabalhar com o propósito de fazer a cidade voltar a respirar carnaval e resgatar o orgulho daquele que é considerado o maior Carnaval do Sul do país.

Um dos fundadores da Liesjho, há cerca de 22 anos, já foi presidente por duas vezes e sempre esteve ligado a entidade, ocupava o cargo de diretor técnico e de julgamento da entidade. César Junqueira de Carvalho, agora presidente da Liesjho, recebeu a reportagem do Portal Éder Luiz para falar sobre o evento mais esperado da região.

Com alterações de estatuto ele ocupará o cargo por três anos. Em meio a reforma e ampliação da sala em que a entidade ocupa no mais tradicional prédio de Joaçaba, Edifício Pedrini, o presidente começou falando sobre o retorno da Vale Samba aos desfiles, fato que promove uma rivalidade saudável entre as agremiações. “Que sorte e que alegria ter essa agremiação de volta depois de dois anos”. A escola, como as demais, terá que cumprir quesitos previstos no regulamento aprovado por unanimidade pelas agremiações.

Sobre a edição do carnaval 2018, César avalia que o tempo e a crise econômica afetaram o evento e ocorreu uma baixa participação apenas no domingo. “No sábado vendemos 95% das arquibancadas, que comportam 4,3 mil de expectadores. No domingo a chuva atrapalhou mesmo e o público não compareceu, por isso alteramos o desfile de 2019”, explica.

COMO FICAM OS DESFILES EM 2019

No próximo ano, as quatro escolas desfilam no sábado, dia 02 de março. O evento deve iniciar às 21h acabar por volta das 2h30. No domingo, dia 03 acontece a apuração às 18h, em seguida Trio Elétrico.

Na segunda-feira (04) voltam duas escolas, campeã e vice para desfilar, com tempo menor de desfile – cerca de 50 minutos e, em forma de congregação entre as escolas, mesclando integrantes e diretorias, onde todas poderão brincar entre si misturando as fantasias. Uma verdadeira festa, conforme o presidente.

Uma inovação, conforme César, é iniciar a montagem da estrutura das arquibancadas e camarotes com uma semana de antecedência, deixando a avenida do samba, em condições para a população também acompanhar ensaios técnicos e demonstrando a organização do evento. “Teremos muitas inovações em estrutura, organização e estamos tendo gestão para tornar tudo isso possível. Poderemos adiantar tudo isso no dia do lançamento do Carnaval, que já tem data marcada e acontece no dia 24 de novembro na Aliança”.

A corte também terá inovação, além do Rei Momo e rainha, serão incluídos príncipe e princesa.

O Carnaval Joaçaba 2019 acontece de 1º a 05 de março. Contando com o retorno da Escola de Samba Vale Samba, além da participação da Aliança e Acadêmicos do Grande Vale, ambas de Joaçaba, e também da Unidos do Herval da cidade de Herval d´Oeste.

Os ingressos começarão a ser vendidos no dia 1º de dezembro no site da Liesjho e o valor poderá ser parcelado no cartão.

O VALOR DA FOLIA

Sem previsão de repasse de recursos por meio da Secretaria de Turismo e Cultura do Governo do Estado, a Liga encontrou uma nova forma de captar recursos. A Liesjho teve aprovada nesta quinta-feira (25) o projeto para captação de recursos por meio da Lei Rouanet.

A partir de agora, o projeto de nº 184151 pode captar até R$ 1.992.888,45. A publicação no Diário Oficial da União deverá acontecer nos próximos dias, dando início a captação de recursos junto as empresas parceiras. “Iniciamos em maio nossa aproximação com empresas da região e resgatando o prestígio da entidade. Estamos sendo muito bem recebidos pelos empresários e tenho certeza que vamos cobrir os custos do evento e ainda repassar investimentos as escolas”.

A expectativa da diretoria em torno da captação de recursos gira em torno de R$ 1 milhão. Nos últimos seis anos em que houve captação de recursos por meio da Lei Rouanet, os valores ficaram em torno de R$ 500 mil.

A Prefeitura de Joaçaba também investe R$ 600 mil no evento e deve encaminhar projeto para aprovação na Câmara de Vereadores nos próximos dias.

“Estamos solicitando apoio do legislativo dos municípios de Joaçaba e Herval d’ Oeste não apenas para aprovarem projetos ligados ao evento, mas também auxiliar na busca de empresas que tenham interesse em captar pela Lei Rouanet”.

Faltam pouco mais de quatro meses para o Carnaval de 2019, nem bem é finalizado, começam as prestações de contas e uma nova festa já começa a ser pensada. E a folia tem um custo alto. Os desfiles custam em média R$ 700 mil, colocando na ponta do lápis custos como estrutura de arquibancadas, banheiros químicos, sonorização. E ainda tem o Carnafolia que tem um custo aproximado de R$ 400 mil. “Nossa intenção é reduzir alguns custos e já estamos conseguindo, com a busca de novas parcerias, e fornecedores”.

A entidade ainda é responsável por repassar recursos para as agremiações, cerca de R$ 200 mil.

Cesar pontua que dependendo do valor a ser arrecadado, a entidade deve antecipar o pagamento de algumas dívidas. “O dinheiro a ser captado neste projeto não fica para a Liesjho, ele é depositado em uma conta e retirado para efetuar o pagamento daquilo que foi colocado na documentação enviada à Brasília. Para todo pagamento é prestado conta, e realizado através de transferência bancária, após o repasse da nota fiscal”, enfatiza.

“Tem sido trabalhado muito e vai ser ainda mais até março. Mas queremos em 2020 que as escolas recebam valores antecipados. Para que lá em 2021 recebam valores com um ano de antecedência o que nunca aconteceu aqui”, concluiu.

Fonte:

Paula Patussi

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas