Luto em todas as torcidas!

Do Rio de Janeiro, o Jornalista Anderson Baltar, relata ao Portal Éder Luiz o clima de comoção com a tragédia no CT do Flamengo.

, 1.049 visualizações
Alguns dos meninos mortos na tragédia.
Alguns dos meninos mortos na tragédia.

Por Anderson Baltar

Mal se recuperava da tragédia das chuvas de quarta-feira, quando seis pessoas morreram por conta de deslizamentos de terra e enchentes, o Rio de Janeiro viveu uma madrugada trágica. O incêndio no Ninho do Urubu, centro de treinamentos do clube mais popular da cidade e do país, deixou a tradicionalmente festiva sexta-feira dos cariocas com um ar de perplexidade e tristeza.

Longe de ainda sabermos o porquê do incêndio no alojamento dos jovens jogadores, o momento é de externar a solidariedade às famílias e amigos das vítimas e à imensa torcida rubro-negra. O momento está acima de qualquer rivalidade – ao longo da manhã, as redes sociais foram tomadas por manifestações de pesar de clubes rivais e seus torcedores.

De forma bastante sensível e inteligente, a Federação de Futebol do Rio de Janeiro transferiu as semifinais da Taça Guanabara, a princípio, marcadas para este final de semana. Vasco x Resende se enfrentarão na próxima quarta-feira. O clássico Fla-Flu ficou para quinta. Realmente, não há qualquer clima para que haja futebol no Rio de Janeiro.

Em um país tão desigual, onde as oportunidades de uma vida melhor são tão restritas para uma imensa massa, o futebol é um dos principais trampolins para milhares de jovens talentosos. Ansiosos para proporcionar uma vida melhor para suas famílias e sonhando em ser astros da bola, muitos deixam suas cidades e pessoas amadas e buscam a sorte nos grandes clubes. É gigantesca a dor de ver tantos sonhos serem ceifados de forma abrupta e brutal. 

O futebol mundial chora. Muita força a todos que sofrem neste momento e ao C. R. Flamengo.

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas