Morre aos 69 anos o jornalista Fernando Vanucci

Profissional teve passagem pela Globo e cobriu seis Copas do Mundo.

, 2.902 visualizações
Divulgação/Internet
Divulgação/Internet

Morreu nesta terça-feira em São Paulo, aos 69 anos, o jornalista Fernando Vanucci. Locutor, apresentador e comentarista esportivo, Vanucci deixa quatro filhos. A causa da morte não foi divulgada. Velório e sepultamento devem ocorrer no Rio de Janeiro.

O jornalista passou mal pela manhã, socorrido pela empregada e levado ao Pronto Socorro Central de Barueri, na Grande São Paulo. No entanto, não resistiu.

Vanucci havia sofrido um infarto em 2019 e colocado um marca-passo. Desde então, tinha a saúde comprometida.

Fernando Vanucci trabalhou na Globo Minas entre 1973 e 1977. Em seguida, passou a trabalhar no Rio de Janeiro, apresentando diversos programas, como Globo Esporte, RJTV, Esporte Espetacular, Jornal Nacional, Jornal Hoje e Fantástico.

Na passagem pela Globo, Fernando Vanucci cobriu seis Copas do Mundo: 1978, 1982, 1986, 1990, 1994 e 1998. Ainda ficou marcado pela criação do bordão "Alô, você!".

Ele também trabalhou na TV Bandeirantes, TV Record, Rede TV e Rede Brasil de Televisão.

Fonte:

Globo Esporte

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas

Confirmadas 19 mortes no acidente com ônibus no PR

Confirmadas 19 mortes no acidente com ônibus no PR

Ônibus tinha como destino Santa Catarina. Entre as vítimas estão uma criança, adolescentes e adultos.

6,6 milhões terão último saque liberado do auxílio emergencial nesta semana

6,6 milhões terão último saque liberado do auxílio emergencial nesta semana

Nascidos em novembro podem resgatar ou transferir o valor que já havia sido depositado em conta digital, movimentada por app.

Margareth Dalcolmo é vacinada na Fiocruz

Quem são os primeiros imunizados com a vacina de Oxford na Fiocruz

Infectologista Estevão Portela e pneumologista Margareth Dalcolmo foram os primeiros imunizados em cerimônia simbólica neste sábado (23).