Premiação da Gincana de Educação Fiscal promovida pelo NAF da Unoesc e Receita Federal é entregue

Escola Cert recebeu R$50 mil reais em mercadorias apreendidas pela Receita Federal para a realização de um bazar.

, 449 visualizações
Alunos e representantes do projeto reunidos
Alunos e representantes do projeto reunidos - Imagens: Foto: Bruna Vier

Na manhã de sexta-feira, 12, representantes da Unoesc e da Receita Federal estiveram Centro Educacional Roberto Trompowsky (CERT) de Joaçaba para a entrega de um lote de mercadorias apreendidas pela Receita Federal no valor de R$ 50 mil. Este foi o prêmio da Escola, que foi campeã, por meio da equipe "Os Mitos Supremos", da 1ª Gincana do Projeto de Educação Fiscal 2018, uma ação conjunta entre Receita Federal, Unoesc, Secretaria Municipal de Educação de Joaçaba e 7ª GERED.

— A turma se esforçou muito para conquistar a gincana e nesse ano podem esperar que vamos vencer de novo — afirmou confiante o aluno, Gillian Ferreira.

 As mercadorias entregues à escola serão comercializadas em um bazar realizado pela Associação de pais e professores APP.

— Estão sendo entregues artigos de pesca, alguns eletrônicos, cobertores, peças de vestuário, perfumes e artigos de bazar em geral. E é importante que as pessoas prestigiem a venda não apenas porque poderão comprar pagando menos, mas, tendo em vista, que assim também estarão auxiliando a escola — comentou o responsável pelo depósito de mercadorias da Receita Federal de Joaçaba, Luiz Schemes.

— Agradecemos a todos os evolvidos pela realização do projeto de Educação Fiscal. Essas mercadorias da premiação vieram em boa hora, sendo que os recursos serão destinados á melhorias na estrutura da nossa escola — afirmou a direção da escola.

ercadorias sendo descarregadas na escola
ercadorias sendo descarregadas na escola - Imagens: (foto: Bruna Vier)

O Projeto de Educação Fiscal busca contribuir com a formação de novos cidadãos, agregando ao processo de escolarização lições básicas de cidadania fiscal. Participaram do projeto as escolas: CERT, Nuperajo, Rotary Fritz Lucht, Cefrei, Escola de Educação Básica Governador Celso Ramos, Escola Municipal Nossa Senhora de Lourdes e Escola de Educação Básica Deputado Nelson Pedrini. Eliane Cardoso foi uma das professoras participantes do projeto com a Escola Rotary e elogiou a iniciativa.

— Importante porque contribuiu para formação do aluno como um ser cidadão e ainda porque possibilitou que pudéssemos trabalhar de forma interdisciplinar na sala de aula, estimulando atividades de cooperação e integração com eles — ressaltou.

Momento da entrega dos produtos
Momento da entrega dos produtos

Já a Secretária Municipal de Joaçaba, Rose Maria Makowski comentou:

— O projeto, capacita professores, desenvolve competências e habilidades dos alunos e fomenta a integração entre as escolas. Isso é muito importante na construção de cidadãos melhores — disse.

O projeto de Educação Fiscal continua neste ano, com ações serão no sentido de despertar a cidadania ativa, aguçando o senso crítico do cidadão quanto à correta aplicação dos recursos públicos oriundos da tributação e o melhor, com mais participantes. Escolas das cidades de Capinzal, Campos Novos e Chapecó, também aderiram ao projeto.

No decorrer do ano serão desenvolvidas atividades como a visita guiada dos alunos ao Depósito de Mercadorias Apreendidas da Receita Federal, Concursos de Redação, Concursos de Oratória, Provas de Arrecadação de Lacres e Tampinhas e a Gincana de Educação Fiscal, essa última somente em Joaçaba.

— Para 2019 ampliou-se o número de escolas, justamente pelo resultado que o projeto vem trazendo quando da disseminação de temas sobre a função social dos tributos, direitos e deveres associados à tributação e seu retorno para a sociedade. Queremos atingir, cada vez mais, envolvendo o maior número de pessoas, pois o cidadão bem informado contribui com ações que fazem uma sociedade diferente e melhor — afirmou a coordenadora do curso de Ciências Contábeis professora Ardinete Rover.

*Texto com informações Camila Dambrós/Receita Federal

Assinatura do documento de repasse das mercadorias
Assinatura do documento de repasse das mercadorias



Fonte:

Ascom Unoesc

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas