Turismo no inverno em Florianópolis

Veja as dicas e aproveite!

, 152 visualizações
Turismo no inverno em Florianópolis

A Ilha da Magia tem seus encantos o ano inteiro. Diferente do nordeste que podemos usufruir das praias em qualquer período, aqui no sul as temporadas são bem delimitadas.

Como é são divididas as temporadas?

- Alta temporada, são os meses de Dezembro, Janeiro e Fevereiro.

- Média temporada, são os meses de Março, Abril, Setembro, Outubro e Novembro.

- Baixa temporada, são os meses de Maio, Junho e Julho.

Certamente, se escolher conhecer a cidade na média e baixa temporada vai encontrar temperaturas baixas e muita chuva. Mas fique tranquilo, pois Floripa oferece muitos atrativos turísticos. Sugerimos buscar hotéis, pousadas ou hostels no Centro ou na Lagoa da Conceição, pois bairros muitos praianos pequenas lojas e restaurantes não funcionam fora de temporada.

Conheça o centro da cidade

Um tour pelo Centro Histórico da cidade é essencial. As distâncias são bem curtas e podem ser feitas a pé. Começa pelo Palácio Cruz e Sousa, ou Palácio Rosado como é conhecido pelos moradores da região, e a sede do Museu Histórico de Santa Catarina. Eles ficam um do ladinho do outro em frente a Praça XV de Novembro. Depois não deixe de visitar o Mercado Público. No interior dos prédios, funcionam bancas de peixes, carnes e frutas, além de algumas lojas com produtos artesanais da região. Geralmente possui música ao vivo a noite. Aproveitando que você está no centro, é legal visitar a ponte Hercílio Luz. Existem vários ângulos que pode ser feita uma foto legal, a que eu indico é pelo acesso ao Forte Santana. A entrada é gratuita e pouco movimentado tanto por turistas e quanto por moradores. As fotos ficam lindas pegando a ponte por baixo.

Serviço

Museu Histórico de Santa Catarina – MHSC sediado no Palácio Cruz e Sousa – Praça XV de Novembro, 227 – Centro.

Terça a sexta-feira, das 9h às 17h (Os horários de abertura dos portões continuam os mesmos: das 10h às 18h). Sábados, domingos e feriados, das 10h às 16h.

Público em geral custa R$ 5. Alunos e professores de escolas da rede particular pagam R$ 2. Gratuito, mediante comprovação, para crianças de até 5 anos, alunos e professores da rede pública de ensino (municipal, estadual e federal), brasileiros maiores de 60 anos e guias de turismo. Aos domingos a entrada é gratuita para todos.

(48) 3665-6363 ou pelo site.

Santo Antônio de Lisboa

Os dias em Santo Antônio de Lisboa são um charme a parte. O distrito fica entre o Centro e as praias da Região Norte. As casinhas pintadas em cores fortes, o calçamento de pedra de algumas vias, a igrejinha, as lojinhas de artesanato: tudo conspira a favor. As mesinhas no deck de bares e restaurantes são super disputadas. O valor dos almoços e jantares partem de R$ 30,00. De lá é possível ver a ponte Hercílio Luz. Durante as tardes de sábado e domingo acontece a Feira das Alfaias na praça Roldão da Rocha Pires

Lagoa da Conceição

Um dos bairros mais famosos de Florianópolis, a Lagoa da Conceição, mantém uma atmosfera agitada mesmo na estação mais fria do ano. Lá você pode fazer um passeio a pé ou de bike pela orla da Lagoa que fica localizada na Avenida das Rendeiras. Na Barra da Lagoa você também encontra o Projeto Tamar, realiza preservação das espécies marinhas aqui da região. O Projeto abre diariamente das 9h30 às 17h; de 20 de dezembro a 9 de março, abre das 10h às 19h. O ingresso custa R$ 10 (R$ 5 para crianças, estudantes e idosos).

Ribeirão da Ilha

Você não pode deixar de visitar um dos centros gastronômicos mais charmosos de Floripa, Ribeirão da Ilha, que fica aproximadamente 24 Km da Beira-Mar Norte. Localizado no Sul da Ilha, o vilarejo possui herança açoriana e é um charme a parte. Muitos restaurantes possuem píer que avançam no mar. Deixando aquele almoço ou jantar com uma vista espetacular.

Alguns restaurantes que servem frutos do mar:

Ostradamus

Rancho Açoriano

Umas & Ostras

Santa Figueira, Ostra da Ilha

Porto do Contrato

Muqueca da Ilha

OBS: Outra dica é dar um “pulinho” na Praia Pântano do Sul para conhecer o Bar do Arante. O

restaurante é cheio de histórias e conta com bilhetinhos espalhados pelo espaço deixados por

visitantes.

5º dia – Passeio de escuna

Mesmo no inverno, é possível fazer passeios pelo mar a bordo de uma escuna. Vá preparado, pois durante o trajeto tem muitas risadas e personagens interagindo com os tripulantes. Bom humor é essencial! Os roteiros duram cerca de 5 e 6 horas e partem de dois locais: Praia de Canavieiras e Ponte Hercílio Luz e seguem para o forte de Fortaleza de Santa Cruz do Anhatomirim. Os dois roteiros fazem uma parada para almoço em Governador Celso Ramos. O passeio é imperdível e rende várias fotos incríveis.

Serviço

• Horário: diariamente às 11h (Canasvieiras) e 10h30 (Centro)

• Preço: R$ 75 (os dois roteiros, não incluiem taxa de entrada na Ilha de Anhatomirim e almoço)

• Telefone: 48/3225-1806

Comentários

O Portal Éder Luiz se exime de qualquer responsabilidade por comentários postados por seus leitores. Os comentários não representam a opinião do Portal e toda responsabilidade está a cargo de quem os postar.

Notícias relacionadas